20 de nov de 2015

Pátria Educadora? Alunos protestam novamente por falta de estrutura em Belém

Estudantes da escola estadual Amilcar Alves Tupiassu protestam na noite dessa quarta-feira (14) contra a falta de estrutura no local. Eles interditam a avenida Fernando Guilhon, próximo da travessa 14 de Março, bairro da Cremação, perímetro da colégio. Na noite de ontem (13), os alunos realizaram manifestação semelhante.

Os alunos protestam por diversas situações de precariedade vivenciadas: a falta de ventiladores deixa as salas de aula com condições insalubres; a falta de água mineral na escola faz com que professores tenham que comprar os insumos para os alunos; o turno da noite também está com as aulas prejudicadas por problemas na fiação elétrica, o que deixa o local no escuro.

Outras situações como a obra da quadra esportiva do local – que deveria ter sido entregue no ano passado, mas nunca foi concluída – também são denunciadas pelos estudantes. De acordo com o professor José Elias, a reforma na quadra começou por um problema no teto do local, mas a empresa contratada para realizar o serviço quebrou o piso do espaço, não realizando mais nenhum conserto desde então.

Até a contaminação por fezes de pombos, que habitam no forro da escola, é realidade enfrentada pelos alunos da escola estadual.

Dol